Sábado, 12 de Maio de 2012

Análise – Mudança…(V)

 

 

 

 

Neste estado de graça, iremos sentir uma enorme liberdade…

Poderemos então desenvolver o nosso potencial oculto e dar “ouvidos” às nossas intuições…

Só elas nos podem orientar…

 

Nesta altura, seguindo a nossa intuição, já conseguimos ter a consciência do nosso propósito nesta passagem…

Todo um processo de mudança para conseguirmos chegar dentro de nós para só assim conseguirmos procurar a nossa “outra parte”…

 

Chegamos assim à última etapa da mudança…o encontro com o plano sentimental…

O reencontro com a nossa "outra parte"...

 

Atingido esse plano, é chegado o momento de total desenvolvimento consciente e usar a intuição (e só ela!) para sabermos quais os caminhos que temos…

Depois de termos interiorizado perfeitamente esses mesmos caminhos, podemos decidir aquilo que realmente queremos e o rumo que devemos tomar…

Atingindo este estado, deveremos estar completamente libertos de medos e descobrir o que realmente sentimos por alguém…

O “coração” encerra muitos segredos e se a busca for feita através de nós mesmos…veremos que encontraremos muitas das respostas às nossas perguntas…

Tomado este rumo, teremos a oportunidade de clarificar muitas das coisas que não estão ainda desvendadas…

 

 

Agora, depois de conseguirmos elevar a nossa sensibilidade sensorial, sentimos o que realmente queremos e teremos a livre escolha do caminho a seguir…

 

Quando ambas as partes estiverem preparadas, e se estiver destinado reencontrarem-se, o Universo proporcionará esse mesmo reencontro...

O Universo prepara tudo para que as partes se possam reencontrar...

Ele envia-nos sinais para que o possamos entender...

Normalmente, numa primeira fase, não conseguimos acreditar neles...

É mais fácil chamar-lhes de..."coincidências"...

Mas, esses mesmos sinais tornam-se cada vez mais fortes...

Acontecem coisas para as quais não temos respostas...que nos faz acreditar que existe algo...mais além...

Sentimos conscientemente de que "aquele" é o caminho...

 

Mas, o Universo também nos dá a possibilidade de alimentarmos nossos medos...

Permite a possibilidade do confronto com nós próprios...

Por um lado diz-nos qual o caminho por outro...oferecendo-nos a possibilidade da livre escolha...

 

Como seres térreos que somos, necessitamos de consultar nossos cérebros para que ele nos indique que caminho percorrer...

Ele, inteligentemente, coloca-nos a necessidade de obtermos essas mesmas respostas em outros seres...

Ou seja, um caminho que será trilhado por nós, passará a ser decidido por terceiros...

 

Por mais bem intencionados que essas pessoas possam estar, o caminho indicado por elas será sempre analisado por seus cérebros...

De uma forma ou de outra, essa análise, quando colocada nas mãos de outros, será sempre um caminho em dúvida...

Será sempre um caminho por outros decidido...mesmo que seja esse o "caminho"...

 

Desta forma, tantas vezes colocamos nas mãos dos outros...os nossos caminhos...

É neste ponto que tantas vezes perdemos a coragem em seguir exclusivamente por “aquele” caminho…

 

 

Aproveite este “estado de graça” para fazer uma introspeção acerca do passado…principalmente os mais recentes…

Reflita sobre tudo o que tem conversado ou vivido nesse passado recente…

Tente sentir e "ouvir" todos os sinais...

 

Não nos podemos esquecer que foram os passos dados nesse mesmo passado que nos colocaram...neste mesmo presente...

 

Isso poderá ser muito esclarecedor no encontro das tão ambicionadas…respostas… 

 


Para todos aqueles que envergaram por caminhos diferentes dos seus, desejo simplesmente que os sigam com honestidade para consigo mesmos...

 

Depois de decidirmos qual caminho tomar, devemos segui-lo sem olhar para trás...

 

Sabemos que a decisão de seguirmos por essa via é bastante mais difícil de superar...

Sabemos também que o simples fato de seguirmos por uma via que não é a nossa, não quer dizer que seguindo por ela não possamos reencontrar o nosso "caminho"...

Tudo é possível...

 

Quando as partes estão destinadas a se reencontrarem, o Universo encontrará novas formas de proporcionar esse mesmo reencontro...

Quando esse mesmo reencontro não poder acontecer de forma direta, o Universo encontrará sempre uma nova forma...

 

O que pode acontecer de novo nesse reencontro é deixarmos, de novo, que os medos nos voltem a afastar...

Teremos sempre esse direito...o direito à "livre escolha"...

 

Caso sintamos que essa poderá não ser a via...

Se conseguirmos ter a consciência que seguindo em frente não nos aproxima de nosso "caminho"...

Não sigamos simplesmente em frente só porque um dia assim o decidimos...

Não nos precipitemos no abismo só porque socialmente não podemos alterar o que aceitámos...

Não tentemos justificar acrescentando que..."agora já é tarde"...

Acreditemos que qualquer altura é o momento certo para mudarmos...

O momento é exatamente aquele que cada um decide acreditar...

 

O momento de mudança é aquele em que conseguimos ganhar coragem e viver...

Vivermos libertos daquilo que nos possa oprimir...

 

Deixo-vos com algumas partilhas já antigas mas que refletem bem rudo aquilo que vos tentei "falar" acima...

Poderão sentir que essa pessoa escreveu o que realmente sentia mas...o seu pensamento tenta de novo reconquistar o terreno perdido...

Foi-me partilhado que o Universo tinha proporcionado um estranho reencontro...

Segundo me disse, a sensação que teve foi de que já conhecia aquela alma à bastante tempo...

 

"...não me lembro do rosto mas senti que era "ele"..."

 

".- Quais os teus receios?-perguntei..."

"Muitos...

Não sei se devo assumir o que sinto e andar com as coisas para a frente...

...se tentar esconder...

...se tentar esquecer...

...

Mas esquecer...isso não consigo...

Sinto que se me afastar, estarei a cometer um grande erro...

Ele conhece-me melhor que ninguém...porque somos almas gémeas...que se encontraram ao fim de uma longa viagem...

Sinto que não foi a primeira vez que estivemos juntos...

Eu talvez esteja a dar o passo errado...

Independentemente de tudo existe uma coisa que eu sinto verdadeiramente...

Que o amo muito...e que ficarei com ele no coração...sempre..."

 

Foi-me partilhado também que existiram imensas "coincidências" e que algumas delas foram estranhíssimas...

Conta-me também que algumas que vivenciaram mais pareciam ser "gritos" do Universo indicando-lhe desesperadamente o caminho...sempre que se afastava...

Mas, mesmo assim, fez uso da sua livre escolha e decidiu por outro caminho...

Hoje, desejo que essa possa ter sido a sua melhor escolha...

 

 

"Quando a água de um rio é impedida de seguir o seu curso, arranjará novas formas de conseguir chegar à foz..."


 

"Um dia...quando de mim precisares...

Olha bem para dentro de ti mesma..."

 

 

Terminam aqui os textos intitulados "Análise..."

Sei que este é bastante mais extenso que os outros mas, não o poderia terminar sem colocar partes de uma das minhas fontes de inspiração...as partilhas que consigo ter sempre que algum de vós sente essa mesma necessidade...

 

Os próximos "posts" serão "Análise - Resumo..."

 

Fiquem bem…

 

 

 


publicado por Agora às 08:09
link do post | comentar | favorito

.Mais...


. Perfil...

. Adicionar...

. 7 seguidores

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
21
22

23
29

30


.Momentos mensais...

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.Momentos...

. Doenças degenerativas - O...

. Doenças degenerativas - O...

. Doenças degenerativas - O...

. Doenças degenerativas - O...

. Doenças degenerativas - O...

. Trocas Energéticas...(VI)

. Trocas Energéticas...(V)

. Trocas Energéticas...(IV)

. Trocas Energéticas...(III...

. Trocas Energéticas...(II)

. Trocas Energéticas...(I)

. Reencontro...

. Quarta etapa...(IV)

. Quarta etapa...(III)

. Quarta etapa...(II)

. Quarta etapa...(I)

. Terceira etapa...(VI)

. Terceira etapa...(V)

. Terceira etapa...(IV)

. Terceira etapa...(III)

. Terceira etapa...(II)

. Terceira etapa...(I)

. Segunda etapa...

. Primeira etapa...

. Preparação da caminhada.....

. Preparação da caminhada.....

. Preparação da caminhada.....

. Preparação da caminhada.....

. Propósito desta caminhada...

. Propósito desta caminhada...

. Propósito desta caminhada...

. Caminhada em busca de mim...

. Caminhada em busca de mim...

. Caminhada em busca de mim...

. Respostas - Livre Escolha...

. Respostas - Livre Escolha...

. Respostas - Livre Escolha...

. Respostas - Livre Escolha...

. Perguntas - Livre escolha...

. Análise – Resumo…(V)

. Análise – Resumo…(IV)

. Análise – Resumo…(III)

. Análise – Resumo…(II)

. Análise – Resumo…(I)

. Análise – Mudança…(V)

. Análise – Mudança…(IV)

. Análise – Mudança…(III)

. Análise – Mudança…(II)

. Análise – Mudança…(I)

. Análise – Indecisões…(II)